Home Esportes Grêmio e Juventude empatam no 0 a 0 e decisão fica para a Arena

Grêmio e Juventude empatam no 0 a 0 e decisão fica para a Arena

8 Primeira leitura
Comentários desativados em Grêmio e Juventude empatam no 0 a 0 e decisão fica para a Arena
0
90
Publicidade
Grêmio e Juventude empatam no 0 a 0 e decisão fica para a Arena
*Por Bárbara Assmann

 

Grêmio e Juventude ficaram no 0 a 0 em Caxias do Sul, no Estádio Alfredo Jaconi, no confronto de ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

Pelo lado tricolor destaque para a volta de Jean Pyerre e do capitão Maicon. Léo Moura iniciou o jogo já que Leonardo Gomes foi liberado para assistir ao nascimento do seu filho. Além disso, Renato Portaluppi novamente escalou Michel na zaga.

A equipe gremista começou o primeiro tempo pressionando e dominando a partida. O tricolor ficava mais com a bola e o Juventude tentava o contra-ataque.

Mesmo tendo a posse de bola, o Grêmio não criava. Com isso, foi o Juventude foi quem chegou ao ataque primeiro. Aos nove minutos, Aprile recebeu na esquerda, chegou na linha de fundo e cruzou rasteiro para Denner, que finalizou de primeira, mas Paulo Victor defendeu.

Depois do lance, a equipe da Serra passou a atacar mais e se soltar. O Juventude explorava os pontos fracos do Grêmio: as costas de Léo Moura e a falha de marcação na entrada da área.

Porém o tricolor se redimiu e conseguiu a primeira finalização. Aos 14 minutos, após cobrança de falta de Jean Pyerre, Juninho Capixaba cabeceou, mas Marcelo Carné pegou. A equipe porto-alegrense teve uma boa sequência de chances, mas não conseguia o gol.

As jogadas passavam principalmente por Jean Pyerre, que fazia uma boa ligação para os laterais que tentavam o cruzamento ou os ataques pelo meio de campo. Outro destaque era Everton, que se movimentava bastante, sempre buscando o jogo. Porém, quem não estava muito confiante era Michel. O zagueiro improvisado furava e pegava mal na bola quando era acionado.

O tricolor continuava atacando e o Juventude mais retrancado. O Grêmio teve, novamente, uma boa sequência de chances a partir dos 30 minutos. A melhor, aconteceu aos 36, quando Everton finalizou cruzado, após passe de Léo Moura, mas Carné salvou no canto. Logo após, Juninho Capixaba apareceu na área do Juventude e cabeceou, porém mandou por cima do gol.

Com essa sequência, o Grêmio somou 5 finalizações, enquanto o Juventude teve apenas uma chance no início do primeiro tempo.

No segundo tempo, o Grêmio começou intenso. Logo nos primeiros segundos, Juninho Capixaba engatou a primeira, passou por dois, foi até a linha de fundo e cruzou, mas André Felipe não conseguiu chegar e a bola passou por todo mundo.

A equipe do Juventude continuava retrancada, mas, no contra-ataque explorava o jogo pelas pontas e conseguia ser perigoso. Porém, sem chances claras de gol.

O tricolor pressionava, sempre no ataque, conseguia boas chances, mas o goleiro, Carné, estava muito bem.

Jean Pyerre, cobrou escanteio aos sete minutos e quase fez um gol olímpico. Carné fez bela defesa. Depois o meio gremista invadiu a área, ajeitou na canhota e finalizou rasteiro, para a defesa novamente do goleiro do Juventude.  

A segunda etapa era de maior finalização tricolor, arriscando mais de fora da área.

Aos quinze minutos, o técnico Marquinhos Santos trocou. Colocou Breno no lugar de Bruno Alves. Segunda troca, pois no primeiro tempo John Lennon se machucou e Dalberto entrou no seu lugar.

Renato Portaluppi, aos dezenove minutos, também trocou. Tirou Jean Pyerre e colocou Thaciano que entrou bem, buscando jogo e também arriscando de fora da área.

O jogo estava movimentado, principalmente pelo lado tricolor. A primeira finalização do Juventude só aconteceu aos trinta e dois minutos, com Breno de fora da área.

Renato ainda fez mais alterações no ataque. Tirou Alisson para a entrada de Pepê e André, que estava apagado na partida, para a entrada de Vizeu. Já Marquinhos tirou Brian Rodriguez para colocar Paulo Sérgio.

Na segunda chance do Juventude no segundo tempo, Dalberto fez Paulo Victor trabalhar. Ele chutou de fora da área no meio do gol, mas o goleiro gremista defendeu.

O Grêmio continuou tentando abrir o placar, mas com todas as chances que teve, não conseguiu fazer o gol.

A decisão ficará para a próxima quarta-feira (29), na Arena do Grêmio, às 21h30. Quem ganhar passa para a próxima fase, em caso de empate, haverá pênaltis.

(Foto: Arthur Dallegrave/ Divulgação ECJuventude)

 

*Estagiária sob supervisão de Marjana Vargas

The post Grêmio e Juventude empatam no 0 a 0 e decisão fica para a Arena appeared first on Rádio Grenal.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Silmar Luiz Biscaro
Carregar mais por Esportes
Comentários estão fechados.

Veja Também

Acidente de trânsito com vítima é registrado em Machadinho

Os bombeiros voluntários de Machadinho atenderam uma ocorrência na madrugada desta  segund…