Home Notícias Infecção Urinária

Infecção Urinária

5 Primeira leitura
Comentários desativados em Infecção Urinária
0
348
Publicidade

Infecção urinária é qualquer quadro infeccioso que acometa uma ou mais partes do trato urinário, composto pelos rins, ureteres, bexiga e uretra.

As infecções urinárias baixas são aquelas que acometem a bexiga e/ou a uretra. As infecções urinárias altas ocorrem quando há comprometimento de pelo menos um dos rins (infeção urinária complicada).

• A infecção da bexiga recebe o nome de cistite.

• A infecção da uretra é conhecida como uretrite.

• A infecção renal é chamada de pielonefrite.

Ilustração

A pielonefrite é uma infecção do trato urinário superior, que envolve o rim, geralmente causada por bactérias vindas da bexiga, por via ascendente e menos frequente por via hematogênica, quando há alguma outra infecção no organismo, a bactéria pode viajar pela corrente sanguínea e acabar se alojando no rim. Uma infecção potencialmente grave.

Sexo feminino, gravidez, obstrução do trato urinário, Diabetes Melittus, bexiga neurogênica, refluxo vesicouretral, desenvolvimento anormal das vias urinárias, idade (crianças e idosos)e baixa imunidade, são fatores que podem agravar o quadro de pielonefrite, podendo ser fatal.

Os sinais clínicos apresentados podem surgir de forma repentina (aguda), sensação de mal-estar com arrepios, náuseas e vômito, febre alta, dor para urinar, urina fétida, urina com sangue, dor lombar, diminuição do apetite, fraqueza, desânimo, e alguns sintomas mais inespecíficos e arrastados, na pielonefrite crônica.

O diagnóstico é realizado pela história clínica, exame físico, exames laboratoriais, incluindo o de urina e culturas (sangue e urina), e exames de imagem, ultrassom, tomografias, alguns casos mais específicos, cintilografias, ressonâncias, uretrocistografias e cistoscopias.

O tratamento na fase aguda é realizado com antibióticos, muitas vezes por via venosa, e tratar cirurgicamente, alguma anormalidade ou obstrução do trato urinário. Alguns pacientes necessitarão de suporte intenso (CTI/UTI).

Na pielonefrite crônica podem resultar em hipertensão arterial, de causa renal, síndrome nefrótica e leva à perda progressiva e irreversível dos rins (insuficiência renal), existir a necessidade de realização de diálise e transplante renal e até a remoção do órgão (nefrectomia = retirada do rim doente).

Beber bastante líquido, para manter uma diurese em torno de 2000 ml, em um adulto médio.

Urinar frequentemente e esvaziar a bexiga completamente Urina armazenada na bexiga pode transformar-se num foco de infecção.

Urinar após a relação sexual, como forma de eliminar as bactérias que por acaso tenham penetrado pela uretra.

Na Gestante, toda infecção urinária, tem o potencial de evoluir para uma pielonefrite, fazer o pré-natal, e ficar atenda a qualquer alteração urinária.

E muito cuidado com a automedicação, e a interrupção da medicação sem a orientação médica.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Bruno Pelizzoni dos Santos
Carregar mais por Notícias
Comentários estão fechados.

Veja Também

 Incêndio em edificação é registrado em Maximiliano De Almeida

Na noite de domingo (23) por volta das 23 horas a corporação de Bombeiros Voluntários de M…