Sexta-Feira 20 de Outubro de 2017
WhatsApp

54 999622914

I Festival de Curtas Metragens da Escola Castro Alves, e os ganhadores são...... - Destaque News

Especiais

10/10/2017 às 19h53 - Atualizada em 10/10/2017 às 19h53

I Festival de Curtas Metragens da Escola Castro Alves, e os ganhadores são......

Lucas Paixão
Machadinho - RS
FONTE: Rádio Interativa/Destaque News

I Festival de Curtas Metragens da Escola Castro Alves. Fotos: Lucas Paixão

“O prêmio vai para...”, essa frase é dita por apresentadores quando vão nominar o prêmio para alguma pessoa ou trabalho que foram destaques durante o ano.  Popularmente essa menção é conhecida em cerimônias de premiação relacionadas a atuações e produções de trabalhos cinematográficos. Eventos estes que são conhecidos em todo mundo como Oscar, Globo de Ouro, Festival de Cannes, Kikito Festival de Gramado, entre outros.



Na noite desta última segunda-feira (09) toda essa emoção de uma cerimônia de premiação foi vivenciada no Anfiteatro ERVA do Machadinho Termas Park Hotel. Na oportunidade foi realizada a amostra do Primeiro Festival de Curtas Metragens da Escola Estadual Castro Alves. Organizado pelos professores da área de linguagem da escola, foi proposto aos alunos do ensino médio, do 1º, 2º e 3º ano, que realizassem a produção de curtas metragens baseados em referências de obras literárias propostas pelos professores. Cada turma pode escolher sua história preferida.





Os alunos se engajaram nesse projeto e conseguiram retratar as histórias em suas produções cinematográficas. O público presente riu, se emocionou, admirou e participou durante a reprodução dos 16 trabalhos apresentados no evento.



A Professora Graciela Camel conversou com a nossa reportagem sobre a organização do evento: “Essa ideia surgiu no ano passado nas reuniões diárias que acontecem na escola com os professores da área das linguagens e todo ano nós desenvolvemos algum tipo de projeto. (...). Vamos aliar a tecnologia que os alunos tanto gostam ao trabalho de sala de aula dentro da língua portuguesa e literatura que é um pouco mais específica que as outras. Sentamos, pensamos em fazer adaptações das obras literárias através dos vídeos, expomos para a direção e eles aceitaram prontamente, e no início do ano lançamos as ideias para os alunos e eles adoraram”.



A Professora e Diretora Lisiane Furlanetto, também falou com a nossa reportagem: “Os alunos se envolveram de uma forma muito legal. Eles aliaram o que eles precisavam para o dia a dia que era o conhecimento das obras, e para ele usarem todos os mecanismos que eles usaram de edição, gravação tudo isso para eles foi novo. Mesmo sendo novo é do dia a dia deles. Foi novo para a escola, foi o primeiro curta. Então para a escola fica o sentimento de agradecimento. Em nome da direção da escola eu gostaria de agradecer aos professores da área de linguagem, especificamente, mais que trabalharam em cima desse projeto, também aos pais, aos alunos, as famílias (...). É um sentimento de gratidão por isso ter acontecido da forma que aconteceu. Foi um envolvimento total desde os funcionários da escola que ajudaram até as famílias. Também um agradecimento bem especial ao Park Hotel que nos cedeu este espaço do Anfiteatro que de uma forma muito significativa deu o realce que nós precisávamos para esta noite”.



Os curtas metragens apresentados foram julgados por quatros jurados: Airton Fabro, Andressa Maso, Jussenei Bianchim e Mariza Dall’Igna.





O jurado Airton Fabro em entrevista comentou sobre o evento: “É tão bonito ver o trabalho deles, não só como resultado, mas sim o quanto eles se dedicaram para chegar a esse resultado. Esforços de arrumar figurino, de fazer ensaios, de se envolver, de locar, de ir até o interior, várias cenas que foram feitas no interior mostrando a nossa cidade, mostrando lugares belíssimos que eu nem conhecia. Achei fantástico (...). Bonito ver os jovens envolvidos com a arte. Parabéns, estão todos de parabéns não só os que ganharam os primeiros lugares, mas todos os envolvidos”.



Após a apresentação dos 16 curtas metragens os jurados se reuniram para conversar a respeito das avaliações. Neste tempo de espera, para descontrair o mágico cubano Rafael Gómez Pérez fez uma apresentação divertida para o público presente.





Os vencedores do Primeiro Festival de Curtas Metragens da Escola Estadual Castro Alves foram:



Melhor Diretor (a) – ÂNDREA RAFAGNIM





 



Melhor Ator – GUSTAVO PELICER SCHWAAB





 



Melhor atriz – MARIANE DEBIASI





 



MELHORES CURTAS METRAGENS



1º Lugar – O TEMPO E O VENTO





 



2º Lugar – DOM CASMURRO





 



3º Lugar – A CASA DAS SETE MULHERES





 



Anunciados os vencedores, logo após todos os presentes participaram de uma confraternização em um coquetel e a edição de 2017 do Festival chegou ao fim, mas se preparem porque o Festival de Curtas Metragens voltará com tudo em 2018, então LUZ, CÂMERA e AÇÃO.



 



Ouça abaixo as entrevistas completas:




ESTA MATÉRIA FOI VISTA 212 VEZES

Comentários

Veja também

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Destaque News
Editoriais
© Copyright 2017 | Destaque News | Todos os Direitos Reservados | Hospedado por PAGE UP SOLUTIONS