Home Notícias Grêmio perde no tempo normal e cai nos pênaltis, na Copa do Brasil

Grêmio perde no tempo normal e cai nos pênaltis, na Copa do Brasil

7 Primeira leitura
Comentários desativados em Grêmio perde no tempo normal e cai nos pênaltis, na Copa do Brasil
0
285
Foto: Lucas Uebel/ Site oficial

O Grêmio abriu boa vantagem no duelo de ida, pelas semifinais da Copa do Brasil, contra o Athletico. Na ocasião, na Arena em Porto Alegre, os comandos de Renato Portaluppi venceram pelo placar de 2×0. Quase 30 dias depois, as equipes se reencontraram na Arena da Baixada, em Curitiba, e a história foi diferente. Com a força d2 28 mil torcedores, o Furacão conseguiu a vitória no tempo normal e devolveu o placar do jogo de ida, levando a decisão aos pênaltis. No total, foram 10 cobranças realizadas. A equipe paranaense converteu todas, enquanto o jovem Pepê desperdiçou a última, determinando a eliminação gremista.

Renato Portaluppi, com as ausências de Everton, suspenso, e Maicon, recuperando-se de lesão, optou por entrar em campo com Pepê e Rômulo respectivamente. Paulo Victor, Leonardo, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Matheus Henrique, Alisson e Jean Pyerre; e André completaram a escalação inicial.

Grêmio diferente do comum e Athletico embalado

Não poderia ser diferente, o duelo na Arena da Baixada começou muito movimentado. Logo no começo, Pedro Geromel desviou o cruzamento na área dos mandantes, e a bola tocou no braço do volante Wellington. O juiz ouviu os colegas da cabine, foi consultar o VAR e nada marcou.  Na sequência, a transição rápida do Athletico funcionou e o placar foi inaugurado. Bruno Guimarães recebeu na área, finalizou de primeira e acertou o travessão. O rebote caiu no pé de Nikão, que, livre e com o gol aberto, mandou para o fundo das redes. Junto com o gol marcado, Leonardo acabou se machucando, e Rafael Galhardo ingressou no duelo.

Ainda antes do intervalo, Bruno Guimarães soltou a bomba da intermediária, mas apenas levou perigo ao gol de Paulo Victor. O primeiro tempo foi quase todo da equipe paranaense.

O começo da etapa complementar também foi do Athletico, que logo ampliou a vantagem com Marco Rubén. Rony recebeu na esquerda e fez o cruzamento na direção do camisa 9. O argentino ainda se antecipou ao zagueiro Geromel e desviou de cabeça, sem chances para o goleiro gremista. Para piorar o cenário, Matheus Henrique perdeu a bola no campo de ataque para Léo Cittadini. O meio-campista arrancou, puxou o contra-ataque e só parou após sofrer forte carrinho de Kannemann. O árbitro não exitou e expulsou diretamente o defensor do Grêmio. A resposta de Renato foi imediata, sacando o centroavante André e colocando o zagueiro David Braz.

A última alteração do técnico gremista foi tentando dar algo diferente ao sistema ofensivo tricolor. Thaciano entrou no lugar do meia Jean Pyerre, mas o panorama se manteve parecido. Apenas no desvio contra de Marco Rubén, com espetacular defesa do goleiro Santos, que o Grêmio conseguiu chegar com perigo nos instantes finais do jogo. Mas ficou no 2×0 mesmo.

Athletico perfeito nas cobranças e responsabilidade para o jovem Pepê

O  time da casa começou a série de penalidades e não desperdiçou nenhuma. Bruno Guimarães, Nikão, Lucho, Marcelo Cirino e Marco Rubén converteram as cobranças. No lado tricolor, David Braz, Rafael Galhardo, Matheus Henrique e Alisson fizeram, mas Pepê errou o último pênalti, sacramentando a eliminação do Grêmio na Copa do Brasil 2019.

A equipe de Renato Portaluppi volta as atenções ao Campeonato Brasileiro e a Libertadores. No próximo domingo (8), volta a campo para enfrentar o Cruzeiro, no Estádio Mineirão. Você acompanha tudo através 95,9 FM, site oficial e aplicativo móvel da Rádio Grenal.

 

 

The post Grêmio perde no tempo normal e cai nos pênaltis, na Copa do Brasil appeared first on Rádio Grenal.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por admin
Carregar mais por Notícias
Comentários estão fechados.

Veja Também

SUS inclui medicamento para tratamento de atrofia muscular espinhal 2

O Sistema Único de Saúde (SUS) passará a oferecer um novo tratamento, com o medicamento Nu…