Home Esporte Inter comunica que não solicitará uso de vacinas da Conmebol

Inter comunica que não solicitará uso de vacinas da Conmebol

6 Primeira leitura
Comentários desativados em Inter comunica que não solicitará uso de vacinas da Conmebol
0
5

Presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, posa com taça da Copa América ao lado do lote de 50 mil doses de vacina contra coronavírus.

Foto: Divulgação / Conmebol

O Inter decidiu não fazer uso das vacinas disponibilizadas pela Conmebol. A instituição visa vacinar os participantes em suas competições. O colorado viaja ao Paraguai, nessa quarta-feira (19), onde tem confronto decisivo contra o Olimpia, pela Libertadores na quinta-feira (20).

Anteriormente, o presidente Alessandro Barcellos já havia se pronunciado sobre não concordar com a vacinação de jogadores de futebol, pensando que há outros grupos que deveriam ser prioridades. Já no final da terça-feira (18), o Inter emitiu nota oficial em que confirmou a informação de que a delegação não será vacinada no Paraguai.

De acordo com o que foi dito, o clube irá aguardar a vacinação dos clubes de futebol acontecer no Brasil, quando estiverem inseridas no Plano Nacional de Imunização. Portanto, se mantém em contato com a CBF e espera o aval das autoridades para o uso das doses disponibilizadas pela Conmebol, quando iniciar a vacinação com esses imunizantes no Brasil.

As doses das vacinas estarão e estão à disposição de todos as equipes que tiverem compromissos no Paraguai, para disputa da Libertadores e da Sul-Americana. Mas a vacinação não é obrigatória: basta que a equipe envie um ofício à entidade para solicitar o uso dos imunizantes.

Clubes como Fluminense, Ceará e Athletico se posicionaram contra o uso das doses em prol do futebol. O Atlético-MG, entretanto, que enfrenta o Cerro Porteño nessa quinta-feira (19), anunciou que aceitará a proposta de vacinação e irá vacinar sua delegação. O Atlético-GO, por outro lado, já teve seus atletas e funcionários vacinados.

A Conmebol recebeu doação de 50 mil vacinas do laboratório chinês Sinovac em abril. As doses chegaram à entidade por intermédio do governo do Uruguai. Inicialmente, os imunizantes são destinados a delegações que disputam a Copa América.

O Inter enfrenta o Olimpia nesta quinta-feira, às 21h, no Estádio Manuel Ferreira, pela 5ª rodada do Grupo B da Libertadores. O Colorado lidera uma chave que está embolada graças ao saldo de gols: todas as equipes somam seis pontos.

> Confira a nota oficial do Inter:

O Sport Club Internacional informa que, desde o começo da pandemia, vem seguindo todos os protocolos de saúde estabelecidos pelos governos federal, estadual e municipal. Tanto que, rigorosamente, submete a testes os jogadores, a comissão técnica e o staff que acompanha diariamente o grupo.

Além disso, diante da iniciativa da CONMEBOL em vacinar as delegações dos clubes participantes de suas competições, o Internacional está mantendo contato permanente com a CBF, onde está em tratativa a inclusão dessas vacinas direcionadas aos clubes brasileiros no Plano Nacional de Imunização já existente. Assim, todos os atletas do Clube, e não somente o plantel que se deslocará ao Paraguai nesta quarta-feira (19), seriam imunizados com primeira e segunda doses.

Diante dessa possibilidade, tendo o aval do Ministério da Saúde e secretarias de saúde estadual e municipal, o Internacional irá aguardar pela vacinação a ser feita no Brasil.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Deixe seu comentário

ACESSE NA FONTE
Autor: RÁDIO GRENAL

QUER CONVERSAR SOBRE FUTEBOL, OPINAR, DISCUTIR E ZOAR SOBRE A DUPLA GRENAL PARTICIPE DO GRUPO INTERATIVA GRENAL NO WHATS APP

FIQUE POR DENTRO! PARTICIPE DO GRUPO DA DESTAQUENEWS NO WHATS APP

Classificação Gaúchão 2021

Classificação Libertadores 2021

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por DestaqueNews
Carregar mais por Esporte
Comentários estão fechados.

Veja Também

Reações adversas de vacinas contra a Covid-19 fazem parte da ação dos imunizantes

Foto: Gustavo Garbino/Prefeitura Canoas Também chamados de eventos adversos, as reações qu…