Home Geral Justiça afasta coordenadora de abrigo investigado por suspeita de abusos a crianças em Santa Maria

Justiça afasta coordenadora de abrigo investigado por suspeita de abusos a crianças em Santa Maria

2 Primeira leitura
Comentários desativados em Justiça afasta coordenadora de abrigo investigado por suspeita de abusos a crianças em Santa Maria
0
127

A Justiça determinou o afastamento da diretora do Lar de Miriam, em Santa Maria, na Região Central do Rio Grande do Sul. O abrigo é investigado por abusos de crianças. O pedido foi feito pelo Ministério Público e negado pela Justiça em primeiro instância. O MP recorreu e o Tribunal mudou a decisão.

O caso mais recente de abuso envolve uma menina, de 3 anos, que foi violentada por um adolescente de 13 anos. Os dois moravam no abrigo. O local atende cerca de 80 crianças e adolescentes.

A instituição que não quis se manifestar sobre a decisão, por se tratar de um processo sigiloso, envolvendo crianças.

O Lar de Miriam é uma instituição sem fins lucrativos criada em 1970. Recebe doações da comunidade. Além disso, a prefeitura repassa R$ 150 mil por mês devido uma ordem judicial. O município não tem contrato com o lar. A prefeitura compra vagas na instituição, por não tem abrigo próprio para menores.

O post Justiça afasta coordenadora de abrigo investigado por suspeita de abusos a crianças em Santa Maria apareceu primeiro em RS Agora.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Silmar Luiz Biscaro
Carregar mais por Geral
Comentários estão fechados.

Veja Também

Faculdade FAVENI chega a região oportunizando cursos superiores e pós graduação com preços acessíveis

Conheça a Faculdade FAVENI. A FAVENI está localizada na cidade de Venda Nova do Imigrante,…