Home Destaque PF apreende cerca de 1,4 mil notas de real falsas no primeiro semestre do ano em Porto Alegre

PF apreende cerca de 1,4 mil notas de real falsas no primeiro semestre do ano em Porto Alegre

4 Primeira leitura
Comentários desativados em PF apreende cerca de 1,4 mil notas de real falsas no primeiro semestre do ano em Porto Alegre
0
34
Publicidade

Média é superior à de 2018, quando, nos 12 meses, um total de 2 mil cédulas irregulares foram recolhidas. Perita criminal explica como reconhecer dinheiro falsificado.

A Polícia Federal apreendeu no primeiro semestre deste ano cerca de 1,4 mil notas de real falsificadas em Porto Alegre. A média é superior à de 2018, quando, nos 12 meses, um total de 2 mil cédulas irregulares foram recolhidas.

Ainda que o dinheiro brasileiro tenha vários itens de segurança, quem receber notas de alto valor deve ficar atento.

“O que é mais fácil de ver é a marca d’água”, explica a perita criminal federal Karina Maria Bello de Carvalho, enquanto mostra um modelo semelhante à cédula de R$ 50 ao lado de uma nota verdadeira.

“A marca d’água não pode ser vista a olho nu, só olhando para a cédula. Tem que ser olhada por transparência, você coloca a cédula contra a luz e a marca dágua se vê”, acrescenta.

O comerciante Bladimir Guimarães só percebeu ter sido enganado com uma nota falsa de R$ 100 teve o depósito recusado pelo banco.

“Fizemos comparações com outras. Aí temos um ou dois detalhes que eles não conseguiram aperfeiçoar ainda, mas estão muito próximos disso. Provavelmente logo, logo teremos notas que sejam perfeitas circulando por aí”, alerta Bladimir.

O criminoso que passou o dinheiro falso ao comerciante usou um truque comum: pagar um produto barato com uma nota de alto valor. No caso, a compra custou R$ 8 – ele levou R$ 92 verdadeiros de troco.

Depois do golpe, Bladimir comprou duas canetas identificadoras de falsificações. Porém, a perita avisa diz que nem sempre elas funcionam, e dá uma orientação mais simples.

“Se está com dúvida, pegue uma [nota] do bolso, tente achar uma do bolso que é mais provável que seja verdadeira, ponha junto e compare. Porque sempre vai ter uma diferençazinha de tamanho”, afirma Karina.

“Ela sempre vai ter uma diferença na tonalidade, na qualidade da impressão, então quando colocar uma verdadeira com uma falsa, vai se perceber, vai saltar aos olhos”, acrescenta a perita. “Tendo dúvida, não aceite”, aconselha.

A circulação de dinheiro falso não se restringe a Porto Alegre. No último sábado (6), 28 notas frias de R$ 100 foram apreendidas em Santo Ângelo, em uma ação conjunta da Polícia Federal e Brigada Militar.

Um suspeito de passar as notas no comércio foi preso. A investigação tenta apurar se há mais envolvidos, e de onde partiram as cédulas.

fonte: G1.com

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Bruno Pelizzoni dos Santos
Carregar mais por Destaque
Comentários estão fechados.

Veja Também

Comitiva de Machadinho esteve em Brasília para apresentar demandas do município

                De 12 á 16 de agosto, o Prefeito Alcir Grison, Vereadores Zauri Piloneto e…