Home Notícias Polícia Federal deflagra operação e investiga vínculo criminoso entre médico e fornecedores de insumos em Passo Fundo, no Norte do Estado

Polícia Federal deflagra operação e investiga vínculo criminoso entre médico e fornecedores de insumos em Passo Fundo, no Norte do Estado

2 Primeira leitura
0
1
28

A PF (Polícia Federal) deflagrou, nesta quinta-feira (13), uma operação que busca esclarecer o suposto vínculo criminoso entre profissionais da saúde e fornecedores de insumos em Passo Fundo, no Norte do Rio Grande do Sul. A força-tarefa, batizada de “Círculo de Willis”, mobilizou 80 agentes para o cumprimento de 17 mandados de busca e apreensão.

O caso é investigado desde 2019, a partir de informações coletadas na Operação Efeito Colateral, também realizada pela PF. Segundo a corporação, médicos recebem dinheiro para direcionar a compra de insumos usados em procedimentos neurocirúrgicos, realizados por meio do SUS (Sistema Único de Saúde).

Os investigados cobram até 25% dos valores dos produtos utilizados nas operações. Só em 2013, um os médicos alvos da operação teria realizado 84 procedimentos com materiais fornecidos pela empresa envolvida na fraude. Os insumos custaram R$ 1,4 milhão – valor do qual o profissional tirou R$ 284 mil para si.

A PF estima que o esquema tenha rendido R$ 1,5 milhão ao suspeito, entre 2013 e 2018, considerando apenas os procedimentos realizados por meio da rede pública. Parte do valor era entregue em envelopes, durante eventos médicos realizados em todo o país. O montante não era declarado à Receita Federal.

FONTE- O Sul

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Mateus Giequelin
Carregar mais por Notícias

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Bombeiros voluntários de Machadinho atendem ocorrência de incêndio veicular

Na manhã desta quinta-feira (10) a Corporação de Bombeiros Voluntários de Machadinho receb…